Instituto Nossa Senhora de Lourdes cortará o uso de copos plásticos descartáveis a partir de fevereiro

Instituto Nossa Senhora de Lourdes cortará o uso de copos plásticos descartáveis a partir de fevereiro

Instituto Nossa Senhora de Lourdes cortará o uso de copos plásticos descartáveis a partir de fevereiro

Muito usado para tomar água ou café nos mais diversos estabelecimentos, organizações e instituições, o copo descartável é visto como uma solução prática e fácil de encontrar. No entanto, pouco se pensa sobre o impacto que esses itens plásticos causam no  meio ambiente. Abaixo, listamos alguns dos principais problemas:

  • Por dia, são consumidos, em média, 4 copos por pessoa;
  • No Brasil, todos os dias, 720 milhões de copos descartáveis vão para o lixo;
  • Um copo descartável pode levar até 400 anos para se decompor. Após esse tempo, ele se torna um microplástico não degradável;
  • A vida-útil de um copo descartável é ínfima: cerca de 13 segundos após sair do porta-copos;
  • O plástico provém do petróleo e há grande impacto ambiental em sua extração. Portanto, quanto mais você deixe de usar itens descartáveis de plástico descartáveis, melhor pra nosso planeta.

Pensando nisso, a partir de 18 de fevereiro de 2019, o Instituto Nossa Senhora de Lourdes não fornecerá mais copos descartáveis em seu Centro de Reabilitação Física e Intelectual. Por isso, está orientando seus pacientes e alunos para que levem consigo um copo ou uma garrafinha reutilizável.

A ideia é conscientizar a todos sobre o uso de produtos plásticos descartáveis e fortalecer atitudes que preservem
o meio ambiente e garantam o futuro do nosso planeta. “Esperamos contribuir para a educação ambiental da nossa comunidade, uma vez que nós, como humanidade, já fizemos muitos estragos no meio ambiente e não precisamos desses plásticos descartáveis formando mais lixo no planeta. Acreditamos que fazendo a nossa parte, teremos mais sustentabilidade ambiental e econômica, além de despertar em nosso público um questionamento: se o Instituto Nossa Senhora de Lourdes (INSL) pode, eu também posso cortar os descartáveis na minha casa”, ponderou Irmã Maria Eugênia Ribeiro da Silveira, presidente do INSL.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *